Sábado, 9 de Julho de 2005

A VERDADE das MENTIRAS


CARTAZ.jpg


A cerca de 3 meses do término do mandato, que lhes foi concedido, os Munícipes, que votaram, ou não, no Sr. João Batista, vem pedir contas das inúmeras e não cumpridas Promessas que nos foram feitas e com que fomos Aliciados.


De que servem as Competências sem Conteúdos? De que servem os Programas Eleitorais se Não se Cumprem e são uma autentica Falácia?


Durante a anterior campanha eleitoral do PSD, João Batista apresentou um discurso orientado para o que as pessoas queriam ouvir. Promessas de mudanças, de melhor educação, de melhor saúde, do melhor de tudo.


Apresentou um Programa Eleitoral, Mirabolante, Ambicioso e Aliciante para todos os Flavienses, que se baseava em Grandes Projectos Específicos e Estruturantes como sejam:


- Aposta Estratégica com uma Plataforma Logística adjacente.


- Captar Empresas e criar Postos de Trabalho.


- Escola Superior de Saúde.


- Cursos Tecnológicos e Licenciaturas de Nível Europeu.


- Uma Zona Desportiva.


- Um Moderno Complexo de Piscinas Municipais.


- Parque Multiusos onde seria realizada a Feira dos Santos, Feiras semanais e Exposições?


- Escola E/B da Madalena


- Uma Escola na Freguesia da Trindade.


- Um Matadouro Municipal.


- E isto para não Falar da Hiper-Demagogia do Túnel do Monumento e da Casa Mortuária na Lapa.


- Prometeu, ainda que, não haveria perseguição Politica aos trabalhadores Contratados e ao Serviço da Câmara e Termas.



- Prometeu Terminar:


- O centro Cultural. (Projecto do PS).


- O Pólo de Chaves da Universidade e Escola de Enfermagem. (Projecto do PS).


- O Mercado Abastecedor. (Projecto do PS).


- Parque Empresarial. ( Projecto do PS).


- O Campus Universitário. (Projecto do PS).


- A Recuperação do Cine-Teatro de Chaves. (Projecto do PS).


- O Casino que ia ser construído em Chaves. (Projecto do PS).


- Parques de estacionamento. E aqui sublinho Parques de Estacionamento.



E nós, Pimba, engolimos o Isco, Anzol, Cana de Pesca e Tudo



Os Flavienses estamos fartos das homilias do João Batista, que reconheçamos, para isso é exímio. Por isso, Perguntamos:


– Onde estão as Empresas? As industrias? Todas essas Obras Prometidas?


– Além de Eliminar o Parque de Estacionamento Subterrâneo do Jardim das Freiras com 174 lugares – Erro crasso, já reconhecido pela própria “ACISAT” e todos os habitantes de Chaves –, Onde estão os Parques de Estacionamento Prometidos? 


– Quantos postos de trabalho foram criados? (Se excluirmos os que foram criados, na Câmara e Termas, para fazer face ao clientelismo Politico e Trafico de Influências).


Quantas pessoas pôs esta Câmara no desemprego, pelo único pecado de não serem militantes do PSD ou pertencerem a outras Formações Partidárias?



Diz a vereadora Maria de Lurdes Campos, no “Semanário Transmontano” de 24 de Junho: “Cessamos contrato com cento e tal pessoas nas Termas”. Não explicou foi, as Causas de ter despedido “cento e tal” pessoas com experiência e as substituir por, um numero superior (duzentos e tal), de incompetentes e sem qualquer experiência Profissional. Não explicou a razão de porque esses “cento (duzentos) e tal” contratados, terem sido todos Militantes ou filhos de militantes do PSD. Não nos explicou tantas outras Coisas e Denuncias. Como diz o provérbio popular: “Quem Cala, Consente”.



O Cumprimento dos Compromissos Eleitorais, que no período de campanha é Valorizado, tem que ser uma regra de ouro no funcionamento da democracia e tal não têm acontecido...



A questão do Não Cumprimento das Promessas Eleitorais:


Será Incompetência? Será a protecção a certos interesses? Ou tem a ver com a questão de, por vezes, existir Falta de ética no desempenho de cargos públicos.



Prática que configura uma Fraude e toda uma atitude de Desresponsabilização, que me parece extremamente negativa, em termos dos efeitos perversos que gera. A única coisa que o João Batista fez, numa de Esperteza Saloia, foi:


Alterar e Atrasar Estrategicamente os Projectos. Retardar o Início das Obras, para as desligar da anterior gestão Socialista. Concentrar, o início de todas as Obras no Período Eleitoral, com Claros Objectivos Eleitoralistas.



Resultado: Caos, Degradação e Pandemónio. A cidade de Chaves sofreu, nos últimos 4 anos, um dos maiores atentados a sua identidade cultural e ambiental de que há memória.


O Jardim das Freiras, autêntico “Ex-Livres” e Sala de Visitas da Cidade, foi Destruído. Foi substituído pela Aberração do, que é hoje conhecido como, “Jardim de Pedra”, “Pedreira”,”Torradeira” ou “Eira”. 


Há cerca de quatro anos, os Flavienses deram-lhe Carta de Alforria para governarem o Município.


Todavia, contudo, porém, em apenas três anos e pouco, é ver João Batista e seus pares a Desgovernar, como ninguém, desperdiçando as oportunidades de ouro dos projectos aprovados e Financiados, deixados pela vereação da anterior Câmara Socialista, que lhe caíram imerecidamente dos céus, entre eles o PROGRAMA POLIS.



Apesar desta contabilidade, que é facilmente verificável, o Poder Autárquico Instalado na Câmara Municipal quer dar um ar de santinho que até mete dó.


Apesar de serem os principais responsáveis pelo estado de Caos, Degradação, Pandemónio e Descaracterização a que a Cidade de Chaves chegou, a Santa Trindade comandada pelo João Batista, espera conseguir apresentar-se às eleições, como os únicos Capatazes competentes nesta “Quinta das Celebridades”.


Até já começaram a Prometer novas Obras, como o Parque Subterrâneo de Estacionamento na Lapa! e no Arrabalde! 


E esperam que, o povoléu enganado e esquecido, engulamos e aplaudamos?


Os Flavienses não aguentam mais, “Caro” João! Há limites! A Desonestidade e Incompetência política não são do domínio do infinito e a nossa tolice também não.



Desiludiram de tal forma o seu eleitorado que estes têm Náuseas. é uma fantochada pegada.



Por favor! - não nos venham com as tretas, do vosso Cartaz Publicitário.


“Honestidade? Competência? Determinação?"


"Chaves da Modernidade 


Não insulte a nossa Inteligência, João Batista. Os Flavienses não são assim tão Estúpidos 


NÃO queremos viver na idade da pedra do JOÃO Batista.


queremos começar de novo a viver na Cidade JardiM, iniciada no tempo do Eng. Branco Teixeira (P.S.D.), continuada e ampliada por Alexandre Chaves – ALTAMIRO claro (P.S.).

publicado por Flaviense às 18:36
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Jos Brito a 11 de Julho de 2005 às 09:58
Amigo Fernando, foi o Batista que te deu ordens para vires criticar sem argumentos? Foi não foi? Ve se trabalhas para justificares o chorudo ordenado que mamas da Câmara, sem mecheres uma palha. Tu e outros mamões como tua é que levaram a gestão Batista à ruina. Faz alguam coisa pela Câmara, despedete e vai trabalhar mamão.
De Jos Fernando a 11 de Julho de 2005 às 03:41
É giro ver tanta revolta. Eu nas ultimas eleições votei no PS. Agora vou votar PSD. Como eu há mais, muitos mais! Sei do plano governativo actual, e está excelente. Não sejas demagógico neste blog. E essas cores com negrito e sublinhado dão um ar azeiteiro ao post que até arrepia. Muito criticas tu, pena não saberes do que falas. Enfim.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2005

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Imagem do Dia

. «Gente sem escrúpulos»

. Imagem do Fim-de-Semana

. A DESAVENÇA

. O Póster do Día

. FALACIOSO IV

. O POSTER DA SEMANA

. HERESIA

. Exorcismo

. O POSTER DO DIA

.arquivos

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds